Editorial

Álvaro Neto

0
174

As eleições legislativas de 6 de outubro passado deram a vitória ao Partido Socialista mas sem maioria absoluta. Era previsível que a inédita fórmula governativa da geringonça não continuasse após este ato eleitoral, na medida em que era previsível – e veio a confirmar-
se – que os louros da governação iriam ser, fundamentalmente, colhidos pela formação política do governo, subalternizados as formações, que estiveram na base da sua formação e da sua consolidação.

Leia mais na edição impressa em papel

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui